Você tem medo de ser mandado embora?

Você tem medo de ser mandado embora?

Se sim, você não está sozinho.

Segundo uma pesquisa realizada pela Isma-BR o medo de ser mandado embora é o segundo maior medo dos brasileiros, só perde para o medo da violência.

Isso porque ficar desempregado afeta diretamente uma das principais necessidades humanas: A necessidade de segurança e estabilidade, além do que, que a ideia de ser demitido causa em muitas pessoas o medo da rejeição e fracasso são esses sentimentos que apavora quem sofre deste medo.

Geralmente esse medo pode vir de duas situações: Externas, e interna.

Nas situações externas, são situações que o indivíduo tem pouco controle, tais como:

  • Crise Econômica;
  • Situações precárias no trabalho
  • Ou relacionamento tóxico com o líder imediato.

Circunstâncias que faz com que a pessoa saia de sua zona de conforto e fique em um estado de preocupação e ansiedade.

Já as situações internas são causadas por fatores psicológicos

Tais como sensação de incompetência, autocritico interno elevado (quando a pessoa se cobra por resultados e acredita que sempre está aquém do esperado), incapacidade de pensar em alternativas e falta de resiliência.

E claro vale incluir neste pacote a tal síndrome do impostor, mas esse é um assunto para um outro vídeo.

O medo é uma emoção de sobrevivência e todo mundo tem, mas a diferença está como cada um lidam com ele. Pessoas com inteligência emocional mais desenvolvidas percebem o sinal do medo e encontram estratégias para lidar com ele o mais rápido possível. Para alguns esses sinais de insegurança pode até servir como um fator motivacional.

Agora algo que precisa ser identificado perante ao medo de ser mandado embora é se ele é real, ou se é algo criado apenas em sua mente. Para isso você poderá utilizar 3 perguntas que eu uso em meus processos de coaching e tem ajudado os meus clientes a olhar para essa situação com mais noção da realidade:

  • Como está a minha empresa financeiramente?
  • Quantos foram demitidos à minha volta?
  • Porque elas foram demitidas?

Outra questão que ajuda também é você testar a sua empregabilidade, para isso mantenha:

Seu currículo atualizado;

  • Deixe seu perfil atrativo no Linkedin
  • Veja algumas vagas e até se candidate;

Mesmo que você não tenha interesse algum em sair da empresa onde está, mas ser mandado embora é algo que pode acontecer com qualquer um que está empregado, e se isso é algo possível de acontecer sempre é bom estarmos preparados para o mercado.

Damaris Alfredo

Especialista em Gestão de Pessoas, atua como Coach, Palestrante Comportamental e Professora em MBA. É apaixonada por carreira desde os 10 anos quando precisou pensar em sua primeira transição. Ama ajudar as pessoas em seu desenvolvimento pessoal e utiliza a escrita como ferramenta neste processo. É Co autora do Livro VOCÊ VAI FICAR SENTADO AI? Da Editora Comunica. Escreve artigos de autodesenvolvimento com foco em carreira com publicações semanais.