PESSOAS MANIPULADORAS

Hoje quero falar com você sobre um comportamento humano, ou melhor, um estilo de pessoa que

vive o comportamento da manipulação. Se você não conhece, provavelmente conhece alguém que

convive com uma pessoa assim.
No mundo corporativo esse é um tipo de comportamento muito encontrado.
A pessoa manipuladora é aquela pessoa que na sua frente se faz de amigo, te elogia, reforça suas

qualidades, demonstra ser um bom profissional (porque muitas dessas pessoas se apoiam no

conhecimento técnico que tem), mas pelas costas sempre age de má fé, fala mal de todo mundo,

cria fofoca, tem necessidade de mostrar os pontos negativos de outras pessoas. Isso é uma necessidade

do próprio ego dessa pessoa. O que esse tipo de pessoa tem, é o que a psicanalise chama de “complexo de superioridade”. Todas as vezes que uma pessoa tem o complexo de superioridade ( ela se sente superior a todos)

é porque no fundo ela tem o complexo de inferioridade, ela precisa se sentir superior a outras pessoas,

porque no fundo ela se sente inferior a outras pessoas.
Esse tipo de pessoa é um estilo que precisamos ter muito cuidado em conviver. Na comunicação

assertiva nós costumamos trabalhar com 4 comportamentos aceitáveis dentro da comunicação assertiva.

Um comportamento é da passividade: são as pessoas que não tem boca para nada, que são as pessoas que

chamamos de boas para conviver, elas não querem desagradar as pessoas. Outro comportamento é das pessoas agressivas: não se importam com a opinião do outro, diz o que pensa sem pensar se vai magoar alguém.

Para ter um comportamento assertivo a pessoa leva em consideração aquilo que o outro está pensando e

aquilo que está incomodando ela e é o melhor dos mundos, é o equilíbrio. E o pior comportamento é da manipulação, porque você nunca sabe com que tipo de pessoa você está lidando, uma hora você descobre

pois a máscara dessas pessoas caem.
A minha dica para você que convive com uma pessoa assim é: você precisa se blindar, trabalhar muito sua inteligência emocional, entender que esse é o estilo do outro e não cair na armadilha dessa pessoa,

porque essa pessoa muitas vezes pode vim falar de outras pessoas para você e assim como ela fala dos

outros ela irá falar de você, então começa se blindar, no sentido de “eu não quero ouvir”, “eu não quero saber”,

“se estão falando de mim ou não eu prefiro não saber”, então começa se blindar de algumas coisas trabalhando

sua inteligência emocional. Eu já gravei alguns vídeos falando sobre inteligência emocional e uma das formas

de você trabalhar isso é você buscar seu autoconhecimento, tentar entender quando alguém falou algo de

você o porque aquilo te incomodou, outras formas de buscar autoconhecimento é através de terapia, leitura,

existe excelentes livros de desenvolvimento pessoal que pode te ajudar nisso, o próprio coaching, fazer

atividade física, principalmente atividades físicas de auto impacto, como correr, fazer natação, atividades

que além de te ajudar a liberar todos os hormônios bons que você precisa, te ajuda a pensar e a refletir

também, então esses são alguns dos caminhos. Mas o mais importante, se você está convivendo com uma

pessoa manipuladora se blinda de todas as formas para você não cair na armadilha de sem querer se tornar

um também, porque quanto menos espera você pode falar bem na frente dessa pessoa e por trás agir dessa

forma. E tudo que queremos nessa vida é preservar a nossa essência e preservar os nossos valores. Eu falo que conviver no mundo corporativo nós precisamos tomar muito cuidado para que as situações, a mentalidade das outras pessoas, o comportamento das outras pessoas não se torne a nossa realidade. Que tudo que aconteça, não destrua aquilo de bom que temos, que são nossos valores e nossa essência humana.

Posted by admin
last month