AUTOCOBRANÇA – NÃO FAÇA ISSO COM VOCÊ

Seja bem sincero comigo, independentemente da idade que você tenha, em algum momento na vida você já se comparou com outras pessoas e sentindo se que os outros conseguiram muito mais coisas que você?

Aposto que sim, ao menos a maioria das pessoas, em algum momento da vida já fez essa comparação.

Quando isso começa a acontecer com frequência significa que estamos nos autocobrando.

A autocobrança é um processo que acontece em nossa mente e que é fonte inesgotável de ansiedade, inseguranças e angustias.

Geralmente acontecem pelo processo de comparação quando olhamos apenas os resultados que as pessoas alcançaram na vida e não observamos o processo que levou a pessoa a conquistar o que tem.

No processo de comparação temos a tendência a achar que tudo do outro foi mais fácil para conseguir, que o outro tem sorte e por ai vai…

A autocobrança se não for bem gerenciada poderá trazer grandes malefícios para a nossa saúde mental, visto que a medida que a gente se compara e se cobra você instala em seu mindset um diálogo interno negativo, às vezes até de menos valia, quando você começa a depreciar seus talentos, suas capacidades e potencialidades.

Essa estratégia não é nada assertiva, e automaticamente fará com que você se sinta incapaz para realizar seus objetivos, metas e sonhos, porque quem está se sentindo incapaz não tem “energia” para fazer acontecer.

Agora, se você se identificou com tudo o que eu disse para você e quer dá uma guinada em sua vida e sair deste processo de autocobrança, se liga na dica de hoje.

  • Não se compare: Por mais que você já sabe disso, é sempre bom reforçar que se comparar não é algo positivo. Todas as vezes que nos comparamos, vamos se sentir inferior ou superior a alguém e esses sentimentos não são positivos.

Podemos sim admirar a história das pessoas e tudo o que elas já conquistaram e utilizar a história do outro como fonte de inspiração e crescimento para gente.

Cada um tem uma história, cada um tem uma batalha, respeite a sua história e as suas batalhas.

  • Celebre as suas conquistas: Muitas vezes na vida, temos o hábito de valorizar as conquistas alheias e olhar com desdém para tudo o que celebramos, por menor que seja a sua vitória, para você é algo grandioso festeja como se você tivesse conquistado o topo do mundo.

Me lembro que quando eu consegui correr pela primeira vez na vida cinco minutos direto eu cheguei em casa tão feliz que eu quis ligar para vários amigos para contar e meu marido me disse o seguinte:

Nossa quem vê parece que você ganhou a São Silvestre e eu respondi para ele, mas para um dia eu correr uma são silvestre e eu preciso começar com esses 5 minutos. É sua vitória celebre!

  • Aprenda a pegar leve com você: Muitas vezes somos tão complacentes com tantas pessoas, mas quando o assunto é a gente mesmo a gente vem com ferro e fogo, como se fossemos feito de aço e não fosse permitido errar ou falhar.

Aprenda a pegar leve com você, se dê diariamente o auto perdão.

 

Estamos nesta vida para evoluir, crescer e melhorar erros e falhas fazem parte do processo de aprendizagem, a medida que você se auto perdoa poderá aprender algo com o que te aconteceu e seguir a diante.

 

Pense nisso e sucesso.

Damaris Alfredo

Especialista em Gestão de Pessoas, atua como Coach, Palestrante Comportamental e Professora em MBA. É apaixonada por carreira desde os 10 anos quando precisou pensar em sua primeira transição. Ama ajudar as pessoas em seu desenvolvimento pessoal e utiliza a escrita como ferramenta neste processo. É Co autora do Livro VOCÊ VAI FICAR SENTADO AI? Da Editora Comunica. Escreve artigos de autodesenvolvimento com foco em carreira com publicações semanais.